Quem é Ninja, o gamer mais bem pago do planeta

Jovem de 29 anos ganha cifras milionárias, joga com famosos e realiza ações de caridade nos Estados Unidos

05/05/2021 18:33h - Atualizado em 05/05/2021 20:43h

Compartilhar no

A ideia de que jogar videogame é uma perda de tempo ou que a atividade não passa de hobby para crianças e adolescentes tem sido cada vez mais abandonada. O cenário atual mostra que os gamers podem conquistar dinheiro, fama e publicidade apenas jogando videogame, algo inimaginável há duas décadas atrás.

Um dos maiores representantes desse novo perfil de jovens milionários e famosos mundialmente apenas por jogar videogame é Tyler 'Ninja' Blevins. Aos 29 anos, o jovem nascido nos Estados Unidos é conhecido por ser jogador profissional de Halo, um jogo de tiros em 1ª pessoa sobre ficção científica militar. A atuação de Ninja como gamer é sempre destaque em sites de apostas e jogos de casino, como o https://campobet.com/br/games, cada vez mais focados nos eSports.

Além do Halo, Ninja também tem atuado como jogador de Fortnite, um jogo de tiros online com vários formatos de disputa, lançado em 2017 e que virou febre mundial. É atuando no Fortnite que o jovem norte-americano quebrou diversos recordes de visualização em suas transmissões ao vivo como Youtube e na Twitch. Aliás, ele é o streamer mais seguido no Twitch, com 15 milhões de seguidores.

Apesar de ser amplamente conhecido como um streamer no Fortnite, Ninja começou sua carreira de streaming atuando em jogos como PUBG e H1Z1. Ele também se envolveu com outros títulos ao longo dos últimos anos, como Apex Legends, Minecraft, Fall Guys e Call of Duty: Modern Warfare.

O patrimônio líquido de Ninja é estimado em aproximadamente US $25 milhões de dólares, mais de R $100 milhões na cotação atual da moeda norte-americana, de acordo com a revista Celebrity Net Worth. Nesse valor estão incluídas as múltiplas atividades do games, como sua receita de streaming, seu canal no YouTube, vendas de produtos e os acordos de patrocínio.

Atualmente, a imprensa nos EUA estima que Ninja ganhe cerca de US $500 mil dólares por mês apenas com seus assinantes na plataforma Twitch. Ele mantém um canal no Youtube com mais de 24 milhões de assinantes e participa de ações pontuais. Por exemplo: ele recebeu US $1 milhão de dólares para jogar no lançamento de Apex Legends, da EA Sports.

Há também os diversos patrocínios. Algumas das maiores marcas associadas à Ninja incluem Red Bull, Ubereats, NZXT e, mais recentemente, Adidas. Embora a quantia exata que ele ganhe com esses patrocinadores não tenha sido divulgada, é seguro presumir que, coletivamente, a cifra alcance a casa dos milhões.

Um dos sucessos por trás da carreira de Ninja é a sua esposa e gerente, Jessica Blevin. Para além do sucesso entre os gamers, ela tem feito pontes com outros segmentos do entretenimento para colocar o nome do youtuber em produções cinematográficas e seriados na televisão.

Prova disso é que em 2018 Ninja realizou uma transmissão vista por mais de 20 milhões de pessoas, quando ele competiu em um time do jogo Fortnite de quatro ao lado do jogador de futebol americano JuJu Smith-Schuster e dos rappers Drake e Travis Scott, conhecidos mundialmente.

Ninja é tão famoso que os desenvolvedores da plataforma Fortnite criaram uma "skin" para representá-lo no jogo. Via de regra, os personagens que aparecem à disposição do público são mundialmente famosas ou personagens de filme, como Coringa e Homem de Ferro. Mais recentemente, a plataforma lançou a skin do brasileiro Neymar, atacante do Paris Saint Germain.

Até o momento, Ninja tem destinado parte dos seus ganhos para casas de caridade. Por exemplo, uma única transmissão ao vivo em auxílio à casa St. Jude Children's Research Hospital em 2018 arrecadou US$ 325 mil dólares, mais de R$ 1 milhão de reais. Em 2019, Ninja doou US$ 15 mil dólares, cerca de R$ 70 mil reais, para a campanha Team Trees de MrBeast, para a plantação de 20 milhões de árvores no mundo,  e US $ 10 mil dólares, algo em torno de R$ 50 mil, para o Projeto Wounded Warriors, para veteranos de guerra. 

Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário