Piauiense Kawan Pereira termina em 10º lugar e faz história em Tóquio

Natural de Parnaíba, litoral do Piauí, o atleta chegou à final da disputa da plataforma de 10 metros de altura, melhor colocação de um atleta do país na modalidade

07/08/2021 09:29h

Compartilhar no

O piauiense Kawan Pereira, de 19 anos, entrou para a história do esporte brasileiro ao se classificar para uma final olímpica e terminar na 10ª posição geral nos saltos ornamentais na plataforma de 10 metros, neste sábado (7), na Olimpíada de Tóquio 2020.

Kawan Pereira em Tóquio. Foto: Reprodução/Instagram/ Míriam Jeske

Entre os 12 atletas que participaram da prova decisiva no Centro Aquático de Tóquio, o atleta de 19 anos somou 393.85 pontos em seis saltos, recebendo a melhor nota na quarta tentativa, 79.55 pontos.

A medalha de ouro foi conquista pelo chinês Yuan Cao, com 582.35 pontos, seguido pelo compatriota Jian Yang (580.40), prata, enquanto o bronze foi para o britânico Thomas Daley (548.25), que repetiu assim o terceiro lugar que conquistou em Londres 2012 e Rio 2016.

Já Isaac Souza, o outro representante brasileiro na modalidade, não conseguiu passar das eliminatórias e terminou na 20ª posição no geral, com uma pontuação total de 339.30.

Kawan Pereira é natural de Parnaíba, litoral do Piauí, e foi um dos estreantes do Brasil nesta modalidade. 

Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário