Série C: Campanha do Altos neste ano é semelhante à do rebaixamento do River, em 2016

Portal O Dia comparou a pontuação do atual representante piauiense até a 7ª rodada da Terceirona, com a do último participante que disputou a Série C, o Galo, em 2016

25/05/2022 09:21h

Compartilhar no

Sete rodadas já se passaram e a vida do Altos não está nada fácil no Campeonato Brasileiro Série C. Em sete jogos, apenas uma vitória e seis derrotas. De 21 pontos disputados, apenas três conquistados. Um aproveitamento pífio, de 14,28%. O início ruim na Terceira Divisão é semelhante ao do último clube piauiense que teve na competição: o River, na temporada de 2016.

(Foto: Reprodução / Arquivo O DIA)

Naquele ano, o Galo chegou à Série C com toda a pompa por ter sido vice campeão da Série D no ano anterior. Porém, com erros de preparação na pré-temporada e trocas de técnicos no meio da competição, o Galo chegou à 7ª rodada com apenas dois pontos, de 21 disputados. Foram apenas dois empates naquele ano, contra Fortaleza e ASA. Com um aproveitamento ainda pior que o do Jacaré: apenas 9,50%.

Até a 7ª rodada, o Galo também era o lanterna da edição de 2016, no grupo A (naquele ano, a Série C era dividida em dois grupos, com 10 clubes cada). Para ter um fim diferente da equipe riverina de 2016, a equipe vai precisar retomar o caminho das vitórias para não ver os adversários diretos na luta contra o Z-4 se distanciarem na tabela.

No domingo (29), o Altos recebe o Ypiranga, do Rio Grande do Sul, no Lindolfo Monteiro. A equipe se reapresentou aos treinos na última terça-feira (24). O técnico Fernando Tonet fala em olhar para a frente. “Não vamos trabalhar com o que já aconteceu. E sim de olho nos 12 jogos que ainda tem pela frente. São muitos pontos ainda a serem disputados. E essa vitória tem que vir o mais rápido possível para dar confiança ao elenco”, afirmou.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário