Itainópolis

Alunos do Ensino Médio ficam sem transporte escolar

Sem receber pagamento, motoristas interrompem serviço prestado ao Estado

17/05/2017 09:48h - Atualizado em 17/05/2017 17:02h

Compartilhar no

Muitos alunos da U. E. Álvaro Rodrigues que moram na zona rural ficaram sem o transporte escolar, nos turnos tarde e noite. Isso porque os motoristas, ao invés de receber, estavam pagando para trabalhar. Já havia três meses que eles vinham gastando com combustível e desgastando seus veículos para transportar os estudantes. Até que nesta terça-feira (16) resolveram suspender os serviços prestados à Seduc – Secretaria Estadual de Educação.

Para não sofrerem prejuízos nos estudos, alguns dos discentes optaram por ir à escola em transporte próprio. Mas eles mesmos não sabem quanto tempo suportarão se deslocar para o colégio em suas motos.

O que diz a lei?

A LDB, Lei de Diretrizes e Bases da Educação, prevê o acesso à escola e preconiza o transporte escolar gratuito:

Lei 9.394/96

Art. 3º. O ensino será ministrado com base nos seguintes princípios:

I -igualdade de condições para o acesso e permanência na escola;

Art. 10. Os Estados incumbir-se-ão de:

VII -assumir o transporte escolar dos alunos da rede estadual.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Fonte: Anderson Monteiro
Edição: Anderson Monteiro
Por: Anderson Monteiro

Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas