De volta à Assembleia, Hélio Isaías declara apoio a Zé Santana na eleição do TCE

O secretário disse que seu voto não deve respingar na solidez da base governista e nega que tenha sofrido pressões para escolher um candidato.

14/09/2021 09:38h - Atualizado em 14/09/2021 11:46h

Compartilhar no

Atualizada às 11h48min

De volta à Assembleia Legislativa, o secretário de Transportes, Hélio Isaías, declarou seu apoio ao deputado Zé Santana na eleição para o novo conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI). Ele exaltou os demais candidatos, mas disse que seu voto será por gratidão.

“O meu voto pessoal é um voto por gratidão. Eu vou dar meu voto a um amigo que tenho nesta Casa por gratidão. Não tem segredo, meu voto é no deputado Zé Santana. Eu vou votar com ele, é um amigo que tenho nesta Casa como sou amigo de todos aqui. Mas tenho uma gratidão por ele e vou dar meu voto a ele”, disse Hélio Isaías.

O secretário disse que ainda que seu voto não deve respingar na solidez da base governista e negou que tenha sofrido pressões para votar em algum candidato apoiado pelo governador Wellington Dias (PT) e pelo ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, que é presidente do Progressistas, partido do qual Hélio Isaías faz parte.


Foto: Tárcio Cruz/O Dia

Iniciada às 09h38min

Mais um deputado estadual deixou a administração de Wellington Dias para votar na eleição para conselheiro do Tribunal de Contas do Estado. O Secretário de Transportes, Hélio Isaías, é o quarto secretário que volta a Assembleia para a eleição, a exoneração do gestor foi publicada no diário oficial da última segunda (12). 


Deputado Hélio Isaías - Foto: O Dia

Com o seu retorno a sua companheira de partido, Belê Medeiros, quarta suplente, deixa a casa. Caso siga a tendência partidária Hélio pode votar em Wilson Brandão no pleito, porém Flora busca o apoio do parlamentar que sempre foi aliado de Wellington Dias.

Com a volta do deputado apenas três parlamentares seguem fora da Assembleia, Janaínna Marques (PTB), Fábio Novo (PT) e Fábio Xavier (PL). Caso não retornem até o dia 16 de setembro, data da eleição para conselheiro do TCE, os suplentes em exercício do mandato, Warton Lacerda (PT), Ziza Carvalho (PT) e Cícero Magalhães (PT), votam. O Secretário de Cultura, Fábio Novo, já revelou a interlocutores que não deverá voltar ao legislativo para a votação.

Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário