Boas e novas

Cinco razões para não comemorar o Halloween

O Halloween é uma festa totalmente relacionada ao ocultismo, não é à toa que estejam presentes bruxas, caveiras, túmulos, tudo ligado à escuridão e morte

29/10/2021 16:46h

Compartilhar no

Está se aproximando mais um Halloween (Dia das Bruxas), difundido como uma simples data para se fantasiar e realizar brincadeiras. Não tenho dúvidas de que é boa a intenção dos pais, que querem o melhor para si e seus filhos, mas convido-os a refletir brevemente sobre este assunto, lendo estas cinco razões para NÃO comemorar o Halloween, entendendo, é claro, que cada indivíduo é livre (e que assim permaneça) para pensar e agir como preferir. 

1) A origem da festa 

Foi criada há mais de 3 mil anos pelos celtas, um povo pagão. Eles acreditavam que os espíritos dos mortos atrapalhavam a colheita, e por isso decidiram se vestir de mortos para fazer ritos espirituais. Portanto, é uma festa totalmente relacionada ao ocultismo, não é à toa que estejam presentes bruxas, caveiras, túmulos, tudo ligado à escuridão e morte

2) “Brincadeira” para uns, sacrifícios para outros

Enquanto adultos e crianças estão se fantasiando com temática tão sombria, no Dia das Bruxas satanistas realizam sacrifícios e rituais em todo o mundo. O Halloween é considerado uma das festas mais importantes para os cultos demoníacos. 

3) A normalização do terror 

Ao tempo em que se populariza a festa do Dia das Bruxas, com o comércio de máscaras, fantasias e doces, percebe-se a normalização de filmes, séries e livros que difundem a violência, os assassinatos, a angústia, a ansiedade e o medo. Em paralelo, só aumentam as estatísticas de crianças e adolescentes com doenças como depressão e síndrome do pânico. 

4) É possível se divertir sem a morte como protagonista

A intenção é promover diversão para adultos e crianças, mas é possível se divertir de forma muito mais saudável, sem se expor a uma festividade que tem como temática a morte e questões espirituais tenebrosas.

5) O que a Bíblia fala sobre o tema 

A Bíblia tem muito a dizer sobre isso. Nela Deus reprova claramente o envolvimento com tudo o que seja relacionado à bruxaria, ocultismo, e similares. Em Deuteronômio 18.10-12, diz: "Não permitam que se ache alguém entre vocês que (...) pratique adivinhação, ou dedique-se à magia, ou faça presságios, ou pratique feitiçaria ou faça encantamentos; que seja médium ou espírita ou que consulte os mortos. O Senhor tem repugnância por quem pratica essas coisas”.

É fato que o que está no verso acima não é exatamente o que se faz no Halloween, mas esta festa é a versão comercial e infantilizada destas coisas, tendo a aparência delas.

"Abstende-vos de toda a aparência do mal." (1 Tessalonicenses 5:22).

Mais textos bíblicos para refletir: 

- "Mas, ficarão de fora os cães e os feiticeiros, e os que se prostituem, e os homicidas, e os idólatras, e qualquer que ama e comete a mentira". Apocalipse 22:15

- "E exterminarei as feitiçarias da tua mão; e não terás adivinhadores". Miquéias 5:12

- "Mas, quanto aos tímidos, e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos homicidas, e aos fornicadores, e aos feiticeiros, e aos idólatras e a todos os mentirosos, a sua parte será no lago que arde com fogo e enxofre, o que é a segunda morte". Apocalipse 21:8

AO INVÉS DE CELEBRAR A MORTE E A ESCURIDÃO, COMO SE ISSO FOSSE BRINCADEIRA, ESCOLHA CELEBRAR A VIDA. JESUS CRISTO É O CAMINHO, A VERDADE E A VIDA! (João 14.6).

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Edição: Pollyana Rocha

Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas