Miguel Alves

Miguel Alves: prefeitura não instala caixa d’água e população bebe água do rio Parnaíba

Imagens enviadas à reportagem mostram que os moradores estão usando a água do rio para beber

03/02/2022 16:56h - Atualizado em 03/02/2022 17:54h

Compartilhar no

Moradores da comunidade Porto do Designer, na zona rural de Miguel Alves, no Norte do Piauí, denunciaram ao portalODIA.com nesta quinta-feira (03) a instalação de uma caixa d’água. No local da obra de um poço, apenas uma plataforma foi implantada pela prefeitura. Eles reclamaram ainda do acesso à água potável na região. Imagens enviadas à reportagem mostram que os moradores estão usando a água do rio para beber.

Foto: Reprodução/Redes Sociais 

“Tem um poço, mas ele não leva água para casa dos moradores. A população que quer pegar água precisa andar bastante e ainda usar um balde na cabeça no meio do mato para ter acesso à agua. A água que estamos tendo é a do rio Parnaíba e está poluída”, afirmou o morador Rodrigo Sousa.

“No outro poço que estão construindo só colocaram a base, mas não tem a caixa d'água. Ou seja, não tem nada. A população está sem água e ninguém faz nada para resolver o problema”, completa.

Foto: Reprodução/Redes Sociais 

Ainda segundo os moradores, a obra da construção do poço iniciou em 2020. Somente no dia 18 de outubro do ano passado foi que a plataforma foi implantada no local, mas a caixa para abastecimento da população. Em um vídeo gravado na comunidade, os moradores denunciaram a situação que estão enfrentando.


“Só colocaram a base, adianta de quê? Vai parar a água e jogar para o povo? Não adianta”, relatou um morador.

“O prefeito ficou de fazer a base, mas a caixa d’água ele esqueceu. Outra coisa que ele anda fazendo, é medindo várias ruas. Já estamos até com medo dele medir a gente, é só o que falta. A gente está pedindo pelo menos a caixa”, disse uma moradora.

 “E não vai ser uma luta em vão. Aqueles que não puderam estar aqui, vamos lutar por eles. Vamos lutar enquanto tivermos forças porque é um direito nosso”, reivindicou outra moradora.


Outro lado 

Procurada pela reportagem, a Secretaria de Comunicação de Miguel Alves informou que a prefeitura tem conhecimento da situação e que o poço sem a caixa d’água foi cavado há dois anos na gestão anterior. Nesse sentido, não poderia fazer qualquer intervenção no local sem antes tomar conhecimento de qual empresa foi a responsável pelo início da obra.

A prefeitura informou ainda que uma equipe da Secretaria de Habitação verificou o problema e, recentemente, conseguiu colocar a plataforma para inserir a caixa d’água para depois realizar a canalização e distribuição da água. Além disso, contratou, nessa semana, uma empresa para instalar o equipamento e que agora está esperando o produto chegar para concluir o serviço.

Já em relação ao outro poço construído e que não faz o repasse da água para as residências dos moradores, a Secretaria de Comunicação esclareceu que ele foi construído através de emenda da deputada Margarete Coelho e que até a próxima semana vai receber outros equipamentos como plataforma e a caixa d’água para abastecer a comunidade. 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas