Teresinha Medeiros

Conheça a história da vereadora Teresinha Medeiros

30/10/2020 08:58h - Atualizado em 30/10/2020 09:35h

Compartilhar no

Teresinha Medeiros nasceu na cidade de União – Piauí, filha de Manoel Dias Medeiros e Isabel de Sousa Brandão, família simples, teve 8 (oito) irmãos. Ainda muito jovem Teresinha já mostrava inconformismo com as disparidades sociais. Batalhou desde cedo por uma vida mais justa e para ver mudanças ao seu redor.  Estudou, tornando-se professora e bacharel em Direito.

Ligada aos movimentos iniciou uma caminhada de trabalho social em comunidades carentes da zona Urbana e Rural de Teresina. Sem militância em qualquer partido envolveu-se com causas sociais por puro altruísmo.

Teresinha Medeiros. Foto: Reprodução/Câmara Municipal de Teresina. 

Preocupada com a educação das crianças teresinenses, está sempre buscando intervir na recuperação de escolas e construção de novas creches, que é fator determinante para alfabetizar crianças e prepará-las para o ensino regular, potencializando as oportunidades para que os jovens tenham um futuro digno.

Através de ações consolidadas sentiu a necessidade de atuar pelos mais humildes e necessitados, além de um forte desejo de melhorar as condições de vida das mulheres e idosos. O seu mandato, objetiva combater todos os tipos de preconceitos e melhorar a qualidade de vida da população.

Na Câmara Municipal de Teresina, o seu trabalho vem sendo reconhecido como um dos mais atuantes. A parlamentar é conhecida principalmente por um trabalho voltado para o combate à discriminação, violência contra idosos e mulheres e todos os tipos de preconceitos.  O destaque na “Casa do Povo” fez Teresinha Medeiros ser a escolhida para coordenar duas das mais importantes comissões da Câmara. Atualmente a vereadora é Presidente da Comissão dos Idosos e das Mulheres.

 Dentre as leis e projetos aprovados de autoria da vereadora muitos foram destaque em todo o Piauí e em outros estados, como: a lei do aleitamento materno, a prevenção ao suicídio, a humanização do parto através do plano municipal para humanização, a lei que garante os direitos iguais em programas habitacionais para casais homoafetivos, a criação permanente dos direitos dos idosos, o combate ao bullying virtual nas escolas, a proibição do uso de aparelhos sonoros dentro dos transportes públicos, entre outros.

“Sou casada, mãe de 3 filhos e netos e não suportaria ver eles serem discriminados por qualquer motivo! Por isso imagino o que passam os pais de filhos discriminados ou vitimas de algum tipo de violência. Também tenho essa mesma opinião sobre os idosos e os animais, que na maioria dos casos não tem condições de se defenderem. Essa é a essência do meu trabalho como política! Quero e vou sempre lutar por essas bandeiras”, conclui Teresinha Medeiros. Teresinha Medeiros nasceu na cidade de União – Piauí, filha de Manoel Dias Medeiros e Isabel de Sousa Brandão, família simples, teve 8 (oito) irmãos. Ainda muito jovem Teresinha já mostrava inconformismo com as disparidades sociais. Batalhou desde cedo por uma vida mais justa e para ver mudanças ao seu redor.  Estudou, tornando-se professora e bacharel em Direito.

Ligada aos movimentos iniciou uma caminhada de trabalho social em comunidades carentes da zona Urbana e Rural de Teresina. Sem militância em qualquer partido envolveu-se com causas sociais por puro altruísmo.

Preocupada com a educação das crianças teresinenses, está sempre buscando intervir na recuperação de escolas e construção de novas creches, que é fator determinante para alfabetizar crianças e prepará-las para o ensino regular, potencializando as oportunidades para que os jovens tenham um futuro digno.

Através de ações consolidadas sentiu a necessidade de atuar pelos mais humildes e necessitados, além de um forte desejo de melhorar as condições de vida das mulheres e idosos. O seu mandato, objetiva combater todos os tipos de preconceitos e melhorar a qualidade de vida da população.

Na Câmara Municipal de Teresina, o seu trabalho vem sendo reconhecido como um dos mais atuantes. A parlamentar é conhecida principalmente por um trabalho voltado para o combate à discriminação, violência contra idosos e mulheres e todos os tipos de preconceitos.  O destaque na “Casa do Povo” fez Teresinha Medeiros ser a escolhida para coordenar duas das mais importantes comissões da Câmara. Atualmente a vereadora é Presidente da Comissão dos Idosos e das Mulheres.

Dentre as leis e projetos aprovados de autoria da vereadora muitos foram destaque em todo o Piauí e em outros estados, como: a lei do aleitamento materno, a prevenção ao suicídio, a humanização do parto através do plano municipal para humanização, a lei que garante os direitos iguais em programas habitacionais para casais homoafetivos, a criação permanente dos direitos dos idosos, o combate ao bullying virtual nas escolas, a proibição do uso de aparelhos sonoros dentro dos transportes públicos, entre outros.

“Sou casada, mãe de 3 filhos e netos e não suportaria ver eles serem discriminados por qualquer motivo! Por isso imagino o que passam os pais de filhos discriminados ou vitimas de algum tipo de violência. Também tenho essa mesma opinião sobre os idosos e os animais, que na maioria dos casos não tem condições de se defenderem. Essa é a essência do meu trabalho como política! Quero e vou sempre lutar por essas bandeiras”, conclui Teresinha Medeiros.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Fonte: Câmara Municipal de Teresina
Por: Redação

Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas