“O que nos resta é aguardar”, diz Rafael Fonteles sobre indefinição do apoio de Dr. Pessoa

O pré-candidato relevou ainda que o encontro com Mão Santa teve como foco questões administrativas, mas admitiu que trataram sobre política

25/01/2022 17:57h - Atualizado em 25/01/2022 18:08h

Compartilhar no

O apoio do prefeito de Teresina Dr. Pessoa à base do governo na disputa pelo governo do estado ainda é aguardado pelo Palácio de Karnak. Ao O DIA, O secretário de Fazenda e pré-candidato da aliança governista, Rafael Fonteles, enalteceu a importância da capital para o pleito e pontuou que Dr. Pessoa ainda não possui uma posição definida.


Leia tambémPedido de Impeachment de Dr. Pessoa é protocolado na Câmara 


“O prefeito (Dr. Pessoa) é um líder importante. Está tomando suas decisões, deve estar refletindo com seu grupo político. O que nos resta é aguardar e respeitar a posição do prefeito de Teresina. O mais importante para a população é que os entendimentos e a relação administrativa, as parcerias administrativas pelo bem da cidade continuarão firmes para resolver os problemas da Capital”, afirmou.

Foto: Jailson Saores / O Dia

Dr. Pessoa tem declarado que pretende lançar uma chapa de terceira via para o governo do Estado após encontro, em Brasília, com o presidente Bolsonaro. Contudo, o gestor não descarta aliança com o governo ou com a oposição, que deve ter Sílvio Mendes como candidato. Na indefinição, Dr. Pessoa tem conversado com todos os grupos. 

Encontro com Mão Santa

Rafael Fonteles se reuniu com o prefeito de Parnaíba, Mão Santa, nessa segunda-feira (25). O secretário de Fazenda explicou que o encontro foi motivado pela inauguração do Zona de Processamento de Exportações (ZPE) e investimentos que são realizados pelo programa Pró Piauí no município.

“Temos uma relação administrativa muito saudável. Falamos de várias obras de infraestrutura que são importantes para a cidade de Parnaíba e procurando solução. Temos a avenida São Sebastião, a orla da Pedra do Sal, o piscinão do bairro Piauí. A despeito da questão partidária, é bom unir forças para o bem da população parnaibana”, disse. 

Fonteles, porém, revelou ao O DIA que tratou sobre política com Mão Santa. “O foco da conversa foi esse (inauguração da ZPE), mas obviamente, eu estava acompanhado de vários outros deputados, e é natural que os políticos tratem de político”, disse sem comentar os detalhes. A filha de Mão Santa, Gracinha Moraes Souza, é cortejada pelo MDB para se filiar ao partido e lançar candidatura de deputada estadual pela base governista. 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário