AO VIVO: acompanhe a apuração dos votos para Presidente do Brasil no 2º turno das eleições

Neste domingo (30), os brasileiros voltaram às urnas para elegerem o futuro presidente do Brasil.

30/10/2022 16:53h - Atualizado em 30/10/2022 17:10h

Compartilhar no

Neste domingo (30), os brasileiros voltaram às urnas para elegerem o futuro presidente do Brasil. O político eleito tomará posse em janeiro de 2023 e governará o país pelos próximos quatro anos. Lula (PT) e Bolsonaro (PL) disputam o pleito, após um primeiro turno disputado. 

Clique aqui para acompanhar a apuração de votos. 

(Foto: Reprodução)

Sobre os candidatos

Presidente por dois mandatos, em 2003 e 2007, Lula anunciou publicamente que seria novamente o candidato do PT à presidência da República em 2017. Mesmo após ser preso em abril de 2018, Lula manteve a sua candidatura e foi oficializado como candidato em agosto do mesmo ano. Após o TSE declarar a sua inelegibilidade, o PT anunciou oficialmente que Haddad seria o novo candidato do partido nas eleições presidenciais de 2018. Lula teve suas condenações anuladas e a retomada de seus direitos políticos em abril de 2021, tornando-o novamente elegível. A chapa Lula/Alckmin foi oficializada em 7 de maio. 

Enquanto o seu adversário, Jair Bolsonaro, é paulista, militar da reserva e está em seu primeiro mandato como presidente da República. Bolsonaro surgiu como figura pública no fim dos anos 1980 e já foi eleito sete vezes para o cargo de deputado federal. Foi eleito vereador do Rio de Janeiro em 1988. No fim de 1990, elegeu-se pela primeira vez deputado federal. Bolsonaro foi eleito presidente em 2018, ganhando de Fernando Haddad no segundo turno.

Quem são os candidatos dos estados que vão disputar o 2º turno?

Neste domingo, também estão ocorrendo eleições para governador em alguns estados brasileiros. Confira a lista a seguir:

  • Alagoas:

Paulo Dantas (MDB) - número 15

Rodrigo Cunha (União Brasil) - número 44

  • Amazonas:

Wilson Lima (União Brasil) - número 44

Eduardo Braga (MDB) - número 15

  • Bahia: 

Jerônimo (PT) - número 13

ACM Neto (União Brasil) - número 44

  • Espírito Santo:

Renato Casagrande (PSB) - número 40

Manato (PL) - número 22

  • Mato Grosso do Sul:

Capitão Contar (PRTB) - número 28

Eduardo Riedel (PSDB) - número 45

  • Paraíba:

João (PSB) - número 40

Pedro Cunha Lima (PSDB)  - número 45

  • Pernambuco:

Marília Arraes (Solidariedade) - número 77

Raquel Lyra (PSDB) - número 45

  • Rio Grande do Sul:

Onyx Lorenzoni (PL) - número 22

Eduardo Leite (PSDB) - número 45

  • Rondônia:

Coronel Marcos Rocha (União Brasil) - número 44

Marcos Rogério (PL)  - número 22

  • Santa Catarina:

Jorginho Mello (PL) - número 22

Décio Lima (PT) - número 13

  • Sergipe:

Rogério Carvalho (PT) - número 13

Fábio (PSD) - número 55

  • São Paulo:

Tarcísio (Republicanos) - número 10

Fernando Haddad (PT) - número 13


É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no