Diego Melo ingressa com ação popular contra o prefeito Firmino Filho

O militar questiona o uso de recursos públicos para a interdição da avenida Raul Lopes, ainda em abril, com grades de contenção

22/09/2020 12:13h

Compartilhar no

Diego Melo (Patriota) anunciou, nesta terça-feira (22), que pretende ingressar com uma Ação Popular contra o atual gestor municipal, Firmino Filho (PSDB). Dentre outras coisas, o militar questiona a instalação de grades e interdição na avenida Raul Lopes, realizado em meados de abril deste ano pelo poder público municipal.

“Aquilo foi um desvio de funcionalidade do recurso público. Queremos que o prefeito faça o ressarcimento de todo o erário público gasto com aquela ação que, por meses, inibiu e dificultou o trânsito de pessoas naquele calçadão, inclusive para a prática de atividades físicas”, disse o major da Polícia Militar do Piauí (PM-PI) em entrevista ao DIA.

Diego Melo (Foto: Lalesca Setúbal/ODIA)

A instalação das grades e interdição daquele espaço foi uma das medidas da administração municipal para inibir aglomerações e a disseminação do novo coronavírus (Covid-19) em meio a pandemia. Melo, no entanto, questiona a efetividade desta medida para o enfrentamento à doença e cobra mais informações quanto ao montante de verbas alocadas na ação.

“Nossa suspeita, e não temos ainda como afirmar pois não há transparência na Prefeitura de Teresina, é que tenham sido gastos mais de R$ 1 milhão com aqueles alambrados, um desperdício total de recursos públicos e uma desinteligência (...) Todo pagador de impostos merece respeito”, concluiu, ele que é candidato a prefeito nas Eleições Municipais 2020.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Por: Breno Cavalcante

Deixe seu comentário