Exonerado da Saad Rural, Ricardo Monteiro critica politicagem e chama Pessoa de “ingrato”

Nomeado logo no início do Governo, Ricardo Monteiro conviveu com um drástico corte de orçamento

26/04/2022 13:14h

Compartilhar no

O ex-superintendente da Saad Rural de Teresina, Ricardo Monteiro, exonerado no diário oficial da última segunda (25), fez duras críticas ao Prefeito de Teresina, Dr. Pessoa.  Demitido sob o argumento de não atender aos critérios técnicos da gestão, Monteiro, que era indicação do presidente da Assembleia, Themístocles Filho, deixa o governo após participar ativamente da campanha de Dr. Pessoa em Teresina. A saída do gestor é mais um episódio na crise entre o MDB e a gestão do Prefeito.

Nomeado logo no início do Governo, Ricardo Monteiro conviveu com um drástico corte de orçamento desde o início da gestão e acompanhou um esvaziamento da sua pasta após a criação da Secretaria de Produção Agropecuária.

Monteiro criticou que a decisão tenha sido tomada por um motivo meramente político e lamentou o corte de recursos. “Fizemos o que a gente podia fazer lá por conta da estrutura. Temos uma zona rural extensa e a gente era carente na questão de maquinários, e outros problemas. O combustível foi reduzido em mais de 50% então a gente trabalhava com muita dificuldade. Tínhamos a secretaria aberta para receber todos, a gente fez o que pode. O Dr. Pessoa era do MDB, e a gente era ligado ao deputado Themístocles, indicação dele, ele virou as costas para o partido que o acolheu, com a saída dele para o Republicanos ele quer colocar o grupo dele, ele já começou me tirando”, criticou o ex-secretário.

FOTO: Ascom PMT

Ricardo cobrou também gratidão de Dr. Pessoa após ter sido um dos parceiros durante a campanha. “Vejo com tristeza, por três vezes o Dr. Pessoa me chamou a Prefeitura para tratar de política, para que eu votasse em um candidato dele, eu não poderia fazer isso. A questão é política, não é administrativa, isso é uma conversa fiada dele, ele não teve foi coragem de conversar comigo no olho a olho, mandou recado pelo Robert, para pedir que eu pedisse exoneração. A gente queria que tivesse pelo menos um sentimento de gratidão, a gente não sabe o que tem no coração das pessoas”, concluiu.

A Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Teresina foi consultada, porém não se manifestou até a publicação da matéria. 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário