Teresa Britto confirma convite de Rafael Fonteles para ocupar espaço no novo governo

Mesmo estando legalmente ligada a chapa do PT através da federação, a deputada não apoiou o Governador do PT

04/12/2022 12:05h - Atualizado em 04/12/2022 17:09h

Compartilhar no

A deputada estadual Teresa Britto (PV) confirmou que se reuniu com o Governador eleito Rafael Fonteles para discutir a participação do Partido Verde na nova composição do Governo Estadual, que assumirá em janeiro de 2023. Derrotada no último pleito, Teresa conseguiu 17461 votos sendo apenas a oitava suplente da federação PT/PV/PC do B.

Mesmo estando legalmente ligada à chapa do PT através da federação, a deputada não apoiou Rafael Fonteles, o presidente eleito Lula e qualquer outro nome de sua própria federação. Nos bastidores, Teresa apoiou Silvio Mendes e chegou a ir no evento de anúncio da candidatura do médico ao Governo do Piauí.

A falta de apoio de Teresa, porém, não seria um problema para Rafael Fonteles. A deputada comentou a reunião com o Governador e explicou os detalhes da discussão. “Tive uma conversa com o Governador eleito, onde ele convidou para participar da sua equipe, mas não disse em quê ainda e participar também contribuindo, mas eu ainda não disse se vou eu mesma ou se o partido apresentará alguém. É preciso saber o que é para poder contribuir”, relatou.

FOTO: Jailson Soares/ O DIA

Teresa Britto ainda esclareceu os quesitos para que possa assumir uma pasta. “Se for uma unidade gestora onde possamos dar uma contribuição maior na área da gestão no estado do Piauí, como foi assim na Prefeitura de Teresina, onde tive a oportunidade na gestão do ex-prefeito Firmino Filho, nós vamos avaliar esse desafio. Estamos avaliando tudo, mas tem sim a possibilidade. Se for algo que eu tenha comando da pasta, vamos sim”, finalizou.

Teresa trava uma disputa nos bastidores com a vereadora da capital Thanandra Sarapatinhas (Patriota). As duas almejam indicar o novo coordenador de Proteção animal, cargo que será criado por Fonteles. Com a aprovação da reforma estadual e a criação das novas pastas, o governador deverá oficializar em breve que será a vencedora. 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no