Altos precisa virar a chave rápido, “esquecer” Flamengo e focar em recuperação na Série C

Pela frente, Jacaré vai enfrentar o ABC-RN nesta quarta (04) e tem que vencer para não se complicar na Terceirona

02/05/2022 11:40h

Compartilhar no

A vitória não veio, mas o torcedor altoense tem o que elogiar na atuação da equipe no último domingo (1º) no Albertão. Diante do milionário elenco rubro-negro e da presença de um público de pelo menos 25 mil pessoas torcendo pela equipe carioca, o Altos não se intimidou e produziu boas chances de gol, como a bola no travessão ainda no primeiro tempo, aos 28 minutos, e a própria jogada que originou o golaço de bicicleta de Manoel, aos 16 minutos da segunda etapa.

Passada a euforia da partida, agora o time alviverde precisa virar a chave rápido e pensar na situação na Série C, que não é nada boa. Em três jogos pela Terceirona até aqui, três derrotas e nenhum pontinho sequer conquistado. Vice lanterna da competição, o pífio início de competição em 2022 o credencia a brigar para não ser rebaixado. Para isso não acontecer, o time precisa reagir logo.

(Foto: Luís Junior Cinegra / Instagram / Altos)

Uma boa oportunidade de iniciar uma arrancada é nesta quarta-feira (04), onde o time recebe o ABC de Natal, no Lindolfo Monteiro. O Jacaré pode até apelar para o retrospecto recente de confronto com os potiguares. Neste ano, pela Copa do Brasil, o Altos venceu nos pênaltis a equipe, garantindo vaga para a terceira fase da Copa do Brasil.

O time conquistou um empate em 1 a 1 no tempo normal em Natal, e depois converteu quatro das cinco penalidades. Já a equipe potiguar converteu apenas duas. Em 2021, equipes com desempenho semelhante e até mesmo melhores que do Altos foram rebaixadas à Série D. 

Na Série C de 2021 quem começou mal, caiu!

Levando em consideração a Série C do ano passado, nos três primeiros jogos, os quatro rebaixados Jacuipense, Santa Cruz, Oeste e Paraná Clube também não venceram, assim como o Altos de 2022. E o pior: ano passado, até a terceira rodada, os rebaixados haviam conquistado pelo menos um empate, algo que neste ano, o Jacaré não conseguiu.

Série C 2021 – Três primeiras rodadas:

- Jacuipense: duas derrotas e um empate;

- Santa Cruz: duas derrotas e um empate;

- Oeste: duas derrotas e um empate;

- Paraná Clube: duas derrotas e um empate;


Série C 2022 – Três primeiras rodadas:

- Altos: Três derrotas e nenhum empate

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário