Covid: média móvel de casos aumenta quase 300% no Piauí

Até o momento, o mês de janeiro vem registrando o maior número de casos confirmados da doença desde agosto do ano passado.

28/01/2022 09:19h

Compartilhar no

De acordo com os dados divulgados nesta quinta-feira (27), pelo painel epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), mesmo com a falta de insumos para  a realização de testes para detectar a covid-19, a média móvel de casos está em alta no Piauí. Se comparada a média de casos nos últimos 7 dias em relação à média registrada duas semanas atrás, o aumento no número de casos da doença é de 297% no Estado.


Leia também: Temendo avanço da variante ômicron, Governador amplia leitos Covid em cinco regiões 

Até o momento, o mês de janeiro vem registrando o maior número de casos confirmados da doença desde agosto do ano passado, quando 6.841 pessoas foram diagnosticadas com a covid-19. A previsão é de que janeiro encerre com um total de casos maior do que o registrado naquele mês, já que a quatro dias do final do mês, 6.785 pessoas já haviam testado positivo para a doença. O boletim aponta ainda que mais de 40% dos casos confirmados são de pessoas com idades entre 20 e 39 anos.

Foto: Divulgação/Sesapi

Somente nas últimas 24 horas, o Piauí registrou 785 novos casos da doença. Destes, 464 são mulheres e 321 são homens com idades que variam de 02 a 89 anos. Desde o início da pandemia, os casos confirmados no estado somam 341.237 em todos os municípios piauienses.

Ainda de acordo com a Sesapi, duas pessoas morreram em decorrência da covid-19 nas últimas 24 horas.  As vítimas eram dois homens, um era natural de Parnaíba (68 anos) e outro era do município de União (72 anos).

Dos leitos existentes na rede de saúde do Piauí para atendimento à Covid-19, 382 estão ocupados, sendo 248 leitos clínicos, 118 UTI’s e 16 leitos de estabilização. Atualmente, o estado possui uma taxa de ocupação de 63,9% nos leitos clínicos e 79,2% nos leitos de UTI. As altas acumuladas somam 24.783 até o dia 27 de janeiro de 2022.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário