Criança de 2 anos tem rosto desfigurado após ataque de cão e família faz campanha

Enzo Gabriel da Silva sofreu vários cortes no rosto, especialmente na boca e em um dos olhos, e precisou passar por cirurgia

26/07/2021 10:38h

Compartilhar no

Um caso chamou atenção da população piauiense neste final de semana. Uma criança de apenas dois anos de idade ficou com o rosto desfigurado após ser atacado por um cachorro. Enzo Gabriel da Silva sofreu vários cortes no rosto, especialmente na boca e em um dos olhos, e precisou passar por cirurgia.

O caso ocorreu por volta das 11h da manhã de ontem (25), no povoado Mandacaru, na cidade de São Julião. Ele chegou a ser socorrido pelos vizinhos, sendo encaminhado para o Hospital Regional Justino Luz, de Picos.

Foto: Divulgação/Rede Sociais

De acordo com Alba Duarte, tia da criança, Suzana Maria de Oliveira, mãe do menino, havia saído da companhia do filho para buscar água e, nesse momento, o pequeno Enzo foi atacado pelo cachorro. “Quando a mãe dele voltou, ele estava todo machucado, com muitas feridas”, informa. 

Ainda segundo a parente de Enzo, o cachorro já havia atacado outra criança na cidade. Entretanto, a família não sabe quem é o dono do animal. 

Suzana Maria, que está no terceiro mês de gestação de outro filho, veio para Teresina junto com Enzo, que foi encaminhado para o Hospital de Urgência (HUT) na noite de domingo (25). 

Para ajudar nos custeios do tratamento, amigos e familiares de Enzo Gabriel estão fazendo uma rifa para arrecadar doações. “A irmã da Suzane deu os prêmios da campanha, que está sendo feita através do whatsapp. Muitas pessoas estão se comovendo e ajudando com o que podem. O pouco que já arrecadamos, dá pra ajudar, pois o gasto vai ser grande”, pontua Alba Duarte. 

Foto: Divulgação/Rede Sociais

Quem se interessar em ajudar a família, pode entrar em contato com a tia da criança através do número (89) 8100-9854. O Sorteio dos prêmios será dia 31 de julho.

Compartilhar no
Edição: Ithyara Borges

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário