Eleição da OAB ocorre neste domingo (21); três chapas estão disputando

Cerca de 10 mil advogados e advogadas estão aptos a votar; confira o perfil dos candidatos

19/11/2021 17:21h - Atualizado em 19/11/2021 17:53h

Compartilhar no

Neste domingo (21), a advocacia piauiense vai às urnas para eleger a Diretoria e os Conselheiros que comandarão a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Piauí e suas 15 Subseções no triênio 2022/2024. A eleição, que ocorre das 9h às 18h, será realizada na modalidade presencial e seguirá todos os protocolos necessários para prevenção da Covid-19.

(Foto: Divulgação/OAB)

No domingo, cerca de 10 mil advogados e advogadas estão aptos a votar. Para aqueles que moram em Teresina,  a votação acontecerá na Sede da Seccional. Nas demais localidades, as eleições acontecerão nas respectivas sedes das Subseções da OAB em Água Branca, Barras, Bom Jesus, Campo Maior, Corrente, Esperantina, Floriano, Oeiras, Parnaíba, Picos, Piripiri, São João, São Raimundo Nonato, Uruçuí e Valença.

De acordo com Lilian Firmeza, Presidente da Comissão Eleitoral, no dia da eleição os votantes poderão contar com orientadores desde a entrada dos locais de votação, onde haverá um total de 62 urnas eletrônicas, sendo 43 urnas de seção e 19 de contingência.


O voto é obrigatório para todos(as) os(as) Advogados(as) inscritos na Seccional, sob pena de multa equivalente a 20% do valor da anuidade, salvo ausência justificada por escrito no prazo de 30 dias contados da data da eleição, a ser apreciada pela Diretoria do Conselho Seccional.

Três chapas realizaram o registro para concorrer aos cargos da Diretoria do Conselho Seccional, de Conselheiros Seccionais, de Conselheiros Federais e da Diretoria da Caixa de Assistência dos Advogados. Foram elas: "OAB de Verdade”, formada pelos candidatos Raimundo Júnior e Nayara Moraes; “Coragem para mudar”, encabeçada por Carlos Henrique e Nara Letícia Couto, e "Pra Seguir em Frente”, de Celso Barros Coelho Neto e Daniela Freitas.


Conheça o perfil dos candidatos 

  • Celso Barros 

Procurador do Estado; 

Pós-Graduado em Direito Administrativo; 

Pós-Graduado em Direito Constitucional, Especialista em Direito Público e Privado; 

Membro da Academia Brasileira de Direito, do Instituto dos Advogados do Piauí e da Associação Brasileira de Direito Processual; 

Foi Conselheiro Seccional, Secretário-Geral da OAB Piauí e Conselheiro Federal da OAB.


  • Raimundo Júnior

Especialista em Direito Eleitoral Público;

Conselheiro Federal da OAB; 

Secretário Adjunto da Comissão Nacional de Direito Eleitoral; 

Sócio proprietário do escritório Araújo e Lopes; e candidato à presidência da OAB-PI.


  • Carlos Henrique

Especialista em Direito do Trabalho e Processo do Trabalho;


É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário