Governo inicia distribuição de absorventes íntimos em escolas do Piauí

As escolas receberão R$ 5,00 por cada estudante para garantir a compra dos produtos

26/11/2021 17:02h

Compartilhar no

Absorventes íntimos começaram ser distribuídos para alunas a partir dos nove anos de idade matriculadas na rede estadual de educação do Piauí. O governo prevê que 107 mil meninas serão beneficiadas com o Programa Estadual de Acesso à Higiene Íntima.


Leia tambémCovid-19: variante descoberta na África tem mais de 30 mutações 


Segundo a Secretaria de Estado da Educação (Seduc), as escolas receberão R$ 5,00 por cada estudante para garantir a compra do produto. A direção das escolas será responsáveis também pela distribuição dos insumos, baseados no Censo Escolar. A estimativa é que sejam investidos mensalmente R$ 576.255,00.

Foto: Seduc

“O nosso intuito é proporcionar que as nossas alunas da rede estadual tenham acesso à higiene e que a falta de um absorvente não impeça a aluna de ir para a aula. Oferecer absorvente gratuito é também promover a saúde, não podemos permitir que as nossas meninas não tenham acesso ao básico”, disse o governador Wellington Dias.

Na próxima segunda-feira (29), a Seduc realiza solenidade para a entrega de 500 kits para as alunas do Centro Estadual de Tempo Integral (CETI) Didácio Silva, em Teresina. 

O secretário de Educação Ellen Gera explicou que outras ações de promoção da saúde da mulher serão realizadas na rede estadual. “Precisamos ajudar toda a comunidade escolar a ver a menstruação como algo natural e biológico. O nosso objetivo é fazer com que as meninas se sintam bem e respeitadas dentro do ambiente escolar e que nada atrapalhe seu direito de frequentar a escola”, disse o secretário. 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Fonte: Com informações da Seduc

Deixe seu comentário