Piauí é o quarto estado do Brasil com mais área de mata atlântica desmatada

Dados são referentes ao primeiro semestre e foram divulgados em setembro pela Fundação SOS Mata Atlântica.

21/09/2022 12:02h

Compartilhar no

Os dados do terceiro boletim do SAD, Sistema de Alertas de Desmatamento, referentes a Mata Atlântica e divulgados neste mês de setembro, trazem dados alarmantes para este bioma em todo país, inclusive no Piauí. Um total de 21.302 hectares de floresta foram desmatados na Mata Atlântica no primeiro semestre de 2022 no Brasil, destruição comparável à área de 117 campos de futebol por dia e que correspondente à emissão de mais de 10,2 milhões de toneladas de CO2 equivalentes.

No ranking dos estados com o maior índice de desmatamento, o Piauí ocupa a quarta posição, com 1.364 hectares desmatados. O estado só fica atrás da Bahia, Minas Gerais e Paraná, com 7.412, 5.535, 1.607 hectares desmatados, respectivamente.

(Foto: Reprodução / Fundação SOS Mata Atlântica)

Os dados, consolidados a partir de 3.358 alertas, abrangem pela primeira vez todo o mapa de aplicação da Lei da Mata Atlântica, do qual fazem parte 17 estados brasileiros. Entre os municípios, o que teve o maior somatório de áreas desmatadas foi Baianópolis/BA, com 1.697 ha, seguido por Santa Rita de Cássia/BA e Porto Murtinho/MS, com 440 ha cada um. A cidade de Corrente, no Sul do Estado, figura entre as que possuem as maiores áreas somadas de desmatamento, com 415 hectares

O levantamento traz ainda a identificação das causas de cada ponto de desmatamento. No primeiro semestre de 2022, a imensa maioria das derrubadas foram motivada pela agricultura (90,5%), seguida pela expansão urbana (4%).

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Fonte: Com informações da Fundação SOS Mata Atlântica

Deixe seu comentário