Piauí envia bombeiros para ajudar vítimas das enchentes na Bahia

A Defesa Civil da Bahia informou que há 66 cidades em situação de emergência, 4 mil pessoas estão desabrigadas, 11 mil desalojadas e 17 pessoas morreram.

26/12/2021 13:30h

Compartilhar no

O Governo do Piauí enviou, no final da manhã deste domingo (26), integrantes do Corpo de Bombeiros para o Sul da Bahia com o objetivo de ajudar no salvamento, resgate e logística nas áreas que têm enfrentado enchentes por conta das fortes chuvas. As equipes saíram da sede da instituição, na Avenida Miguel Rosa, região central de Teresina.

De acordo com o major Sansão, do Corpo de Bombeiros do Piauí, as equipes estão em deslocamento por terra, pois os veículos também são necessários no deslocamento nos municípios baianos. Estão sendo enviadas duas equipes, com duas viaturas e oito bombeiros, materiais de salvamento.

(Foto: Divulgação/CCom)

“Como é de conhecimento de todos, fortes chuvas assolam a Bahia e de forma solidária com os nossos irmãos baianos, o governador Wellington Dias autorizou o envio de materiais, equipamentos e militares especialistas em resgate e salvamento, inclusive mergulhador, à cidade de Ilhéus para ajudar a população de lá e a corporação coirmã da Bahia”, comentou  o major Sansão.

O comandante do Corpo de Bombeiros do Piauí, coronel José Rêgo. tem mantido contato com o comandante do Corpo de Bombeiros da Bahia desde o início do mês. “A situação é bem crítica Estamos indo por terra porque os veículos também são uma necessidade”, disse.

A Defesa Civil da Bahia informou que há 66 cidades em situação de emergência e 19 cidades com várias comunidades embaixo d’água. O total de pessoas desabrigadas no estado passa de 4 mil, enquanto mais de 11 mil foram desalojadas. Até agora, ao menos 17 morreram desde o início do período chuvoso, no começo do mês.

Uma verdadeira força tarefa está sendo montada para ajudar os municípios baianos, incluindo o apoio dos estados do Nordeste e do Governo Federal. A operação será integrada com outras forças de segurança e também a presença de outros estados.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário