Piauí realizou mais de 2 mil contratações formais em maio, aponta Caged

Com os resultados, foi observado o quarto mês consecutivo de crescimento no número de postos de trabalho formais

27/07/2022 14:12h - Atualizado em 27/07/2022 14:18h

Compartilhar no

O relatório do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged),  divulgado nesta quarta-feira (27) pela Secretaria de Estado do Planejamento (Seplan), apontou que, em maio de 2022, houve um aumento de mais 2.678 vínculos de empregos formais em todo o Piauí. 

Com os resultados, foi observado o quarto mês consecutivo de crescimento no número de postos de trabalho formais, com um crescimento iniciado em fevereiro (1.724), continuado em março (763), abril (960) e maio (2.678), totalizando nesse período um acréscimo de 6.125 novas admissões. 

(Foto: Arquivo O DIA)

Outro destaque é o setor de comércio e manutenção de veículos automotores e motocicletas, que geraram 406 novas admissões. O perfil dessas contratações mostram que as maiores admissões foram entre os jovens de 18 a 24 anos que possuem o ensino médio completo.

O Caged é responsável por conferir dados referentes aos vínculos trabalhistas entende por emprego formal todo aquele regido pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), garantindo ao empregado e ao empregador um rol de direitos e deveres estabelecidos mediante a devida relação contratual.

“Por meio do estudo divulgado foi possível evidenciar as ações no número de contratações, de demissões e quais os segmentos foram mais alterados, levando em consideração o agrupamento de atividades por gênero, escolaridade e faixa etária", apontou Leonardo Melo, gerente de Estudos Econômicos da Superintendência Cepro, Seplan.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário