Serviços iniciais da nova maternidade de Teresina devem iniciar no 2º semestre

A nova maternidade terá 300 leitos e está orçada em R$ 136 milhões

27/05/2022 18:05h - Atualizado em 27/05/2022 18:11h

Compartilhar no

A nova maternidade de Teresina deve ser inaugurada no segundo semestre deste ano, segundo a previsão da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi). As obras estão 95% concluídas. Para o secretário de Saúde, Neris Junior, até o final do ano os serviços iniciais já estão em funcionamento.

“A ideia é que abrir até o fim do ano com serviços iniciais e logo com todos os serviços prestados para a população”, disse. Neris Junior explicou que a Fundação Reabilitar fará a gestão dos leitos e uma comissão foi criada para realizar a transição entres as gestões da Evangelina Rosa e da nova maternidade.

Foto: Divulgação 

“Nós estamos seguindo o cronograma, já foi assinado o contrato com a fundação Reabilitar que vai fazer a gestão dos leitos e agora compomos uma comissão que vai fazer a transição entre a gestão da nova maternidade e a maternidade Evangelina Rosa, com entes das mais diversas classes representando os servidores, o Conselho Estadual de Saúde, a própria Evangelina Rosa e SESAPI de maneira que a gente possa cumprir o cronograma”, disse.

A nova maternidade terá 300 leitos e está orçada em R$ 136 milhões, sendo R$ 86 milhões garantidos pelo Governo do Estado e R$ 50 milhões oriundos da União, verbas advindas da bancada federal de parlamentares. 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Fonte: Com informação da Governo do Piauí

Deixe seu comentário