Tamiflu: Sesapi diz estar abastecida com medicamento

O Tamiflu está em falta em vários estados do país e, no Piauí, as farmácias sofrem com desabastecimento

11/01/2022 15:53h - Atualizado em 11/01/2022 15:59h

Compartilhar no

A Secretaria de Estado de Saúde (Sesapi) afirmou nesta terça-feira (11) que está abastecida com o Tamiflu, medicamento antiviral utilizado por pessoas em risco de desenvolver complicações por conta da Influenza após 48h desde os primeiros sintomas.


Leia tambémCom surto de casos de síndromes gripais, Hospital de Bom Jesus está superlotado 


O Tamiflu está em falta em vários estados do país e, no Piauí, as farmácias sofrem com desabastecimento do medicamento depois da crescente de casos de Influenza. Com o aumento dos casos, houve uma corrida das pessoas aos estabelecimentos farmacêuticos em busca do fármaco. 

Foto: Divulgação / Sesapi

“Estamos abastecidos com o medicamento, mas existe um protocolo que deve ser utilizado pelos nossos profissionais de saúde quanto ao uso do remédio. Nem todos os pacientes podem receber o Tamiflu. Ele será destinado apenas àqueles que estão internados e de maneira mais grave”, explica Herlon Guimarães, o Superintendente de Atenção à Saúde e Municípios da Sesapi. 

A Sesapi alerta que o Tamiflu não é recomendado se o período após a última exposição a uma pessoa com infecção pelo vírus for maior que 48 horas o antiviral deve ser administrado durante a potencial exposição à pessoa com influenza e continuar conforme orientações de quimioprofilaxia.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Fonte: Com informações da Sesapi

Deixe seu comentário