Eleições 2022: Diplomação de Rafael Fonteles será dia 16 de dezembro

Horário da cerimônia ainda não está definido e será realizado pelo TRE-PI. Já o presidente eleito Lula será diplomado antes, no dia 12 de dezembro.

30/11/2022 12:23h

Compartilhar no

O governador eleito Rafael Fonteles será diplomado pelo Tribunal Regional Eleitoral no dia 16 de dezembro, com horário ainda a definir. A informação foi divulgada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Com o ato, o chefe do executivo recém eleito se habilita ao exercício do mandato entre 2023-2026. A entrega dos documentos acontece após o término do pleito, a apuração dos votos e o vencimento dos prazos de questionamento e de processamento do resultado da votação.


RELEMBRE: Rafael Fonteles é eleito Governador do Piauí no 1º turno 


A diplomação é uma cerimônia tradicional, organizada pela Justiça Eleitoral para formalizar a escolha do eleito pela maioria das brasileiras e dos brasileiros nas urnas. Durante o evento, que marca o encerramento do processo eleitoral, serão entregues os respectivos diplomas assinados pelo presidente do TRE-PI.

(Foto: Arquivo / O DIA)

Nas Eleições Gerais de 2022, além dos chefes do Poder Executivo Federal, o eleitorado também elegeu representantes para as Assembleias Legislativas e para a Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF), a Câmara dos Deputados e o Senado Federal.

Lula e Alckmin serão diplomados no dia 12

Já a cerimônia de diplomação de Luiz Inácio Lula da Silva e Geraldo José Rodrigues Alckmin Filho está marcada para acontecer às 14h do dia 12 de dezembro, segunda-feira. Cabe ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) diplomar os eleitos para ocupar os cargos de presidente e vice-presidente da República. Os respectivos diplomas serão assinados pelo presidente do TSE, ministro Alexandre de Moraes.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Fonte: Com informações do TSE