Parnaí­ba

Jovem morre afogada na lagoa do Portinho ao cair de jet ski

As garotas não usavam colete salva-vidas

16/09/2019 13:27h - Atualizado em 16/09/2019 13:57h

Compartilhar no


Um acidente trágico na Lagoa do Portinho, duas jovens que caíram de um jet ski na Lagoa do Portinho no início da noite deste domingo (15), durante um passeio a bordo da moto aquática, quando um condutor de uma moto aquática “Red Shark II” trafegava pela referida lagoa com duas passageiras, quando as mesmas vieram a cair na água; uma delas foi resgatada por uma pessoa que encontrava-se no local, porém, a outra passageira encontra-se desaparecida, tarata-se de Mara Luiza .

Assim que foi acionada, a CPPI enviou uma equipe de busca e salvamento para prestar apoio e buscar informações preliminares. As buscas foram encerradas no final na noite de domingo e retomadas às 7h desta segunda-feira (16), pela equipe da Capitania dos Portos e do Corpo de Bombeiros.

De acordo com informações repassadas, o jet ski é de propriedade de Thiago Verçosa. Porém, não há nenhuma confirmação se era ele quem dirigia o veículo aquático que, no momento, encontra-se apreendido na Capitania dos Portos do Piauí. Ainda sobre o uso do equipamento de proteção em água, o colete precisa ser homologado pela Marinha do Brasil. Ou seja, não pode ser qualquer colete.

De acordo com uma das sobreviventes que não teve o nome revelado, apenas o condutor do jet ski usava o colete de proteção e as moças não usavam colete salva-vidas. Ele, inclusive, no momento do acidente saiu nadando e se evadiu o local, sendo que até o momento não foi localizado pela polícia.

Em nota, o Capitão da Capitania dos Portos do Piauí, Comandante Dante, disse que será aberto um procedimento administrativo na Capitania – IAFN (Inquérito sobre Acidentes e Fatos da Navegação) para apurar as apurar as causas e as circunstâncias que envolveram o acidente.


É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Fonte: Capitania dos portos
Edição: Calixto Dias

Deixe seu comentário