Parnaí­ba

Jovem sofre aborto espontâneo e enterra trigêmeos no quintal de casa, em Parnaíba

A mãe foi conduzida à Central de Flagrantes, prestou esclarecimentos e depois liberada

25/08/2022 11:41h - Atualizado em 25/08/2022 12:06h

Compartilhar no

A Delegacia de Crimes contra a Criança e Adolescente de Parnaíba está investigando o caso de três fetos humanos que foram encontrados no quintal de uma residência nesta quarta-feira (24). A mãe, uma jovem de 24 anos, estava grávida de quatro meses, teria sofrido um aborto espontâneo e enterrado os corpos em sua casa.

Os fetos eram do sexo feminino. A mãe contou com a ajuda do ex-sogro para enterrar as crianças. Vizinhos teriam denunciado à polícia, que tomou conhecimento do caso e se dirigiu até o local para confirmar a informação. A delegada Daniella Dinali, da Delegacia da Mulher de Parnaíba, conta que o aborto espontâneo ocorreu por volta das 2h da madrugada da terça-feira (23).  

“A mãe foi conduzida à Central de Flagrantes nesta quinta-feira (25), prestou esclarecimentos e depois foi liberada. Chegamos à conclusão de que não houve crime, pelo menos nesse início de investigação. Nós já solicitamos o prontuário médico da mãe, e, ao que tudo indica, o aborto de fato foi espontâneo, não foi provocado”, disse a delegada Daniella Dinali.

(Foto: Reprodução/Tribuna de Parnaíba)

Com relação ao suposto crime de ocultação de cadáver, devido ao enterro dos fetos no quintal de casa da mãe, a delegada da Mulher relatou que a jovem não teve a intenção de esconder os corpos das filhas. 

“Ela chegou a se dirigir ao hospital, chegando lá, foi informada que era necessário fazer um laudo nos fetos. Ela, então, desesperada, com pouca informação, uma pessoa sem nenhuma condição e extremamente pobre, disse que eles já estavam cheirando mal e enterrou os fetos no quintal da casa dela”, contou.

O exame cadavérico dos fetos foi solicitado junto ao hospital, que será anexado ao processo. As investigações ficarão agora por conta da Delegacia de Crimes contra a Criança e Adolescente de Parnaíba.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no