Dupla que estrangulou detento dentro de Penitenciária de Parnaíba é condenada

A dupla aproveitou o horário do banho de sol na unidade prisional para entrar na cela e estrangular a vítima

13/09/2022 16:07h - Atualizado em 13/09/2022 16:18h

Compartilhar no

O Tribunal Popular do Júri condenou os réus Astrogildo Antônio da Costa e Antônio José da Silva a 25 e 30 anos de prisão, respectivamente, pela morte do detento Fabrício Santos Silva dentro da Penitenciária de Parnaíba, no litoral do Piauí. O julgamento aconteceu oito anos após o crime. 

A dupla aproveitou o horário do banho de sol na unidade prisional, no dia 04 de novembro de 2013, para entrar na cela e estrangular a vítima, segundo denúncia oferecida pelo Ministério Público do Estado do Piauí (MPPI).

Foto: Google maps

A investigação apurou que o crime foi motivado por queima de arquivo. A vítima testemunhou um crime anterior cometido pelos dois criminosos. “Após a sessão de espancamento e estrangulamento, os réus simularam cena de suicídio, pendurando a vítima e amarrando uma corda em seu pescoço”, defendeu promotor de Justiça, Rômulo Paulo Cordão durante o julgamento. 

Ao final, o Conselho de Sentença condenou Astrogildo e Antônio José pelo crime de homicídio qualificado. Eles deverão cumprir as penas em regime fechado. 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Fonte: Com informações do MPPI

Deixe seu comentário