Greco prende casal suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas na zona Sul

Os dois eram considerados foragidos após escaparem da prisão na operação Cerco Fechado VII.

12/08/2022 09:38h - Atualizado em 12/08/2022 09:40h

Compartilhar no

Foi preso, na manhã desta sexta-feira (12), o casal Diego Saldanha da Silva Ferreira e Jullyana Alves Teixeira. Os dois são suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas e eram considerados foragidos após escaparem da prisão na operação Cerco Fechado VII, deflagrada em maio deste ano.

Foto: Divulgação/Greco

As prisões foram realizadas pelo Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco), na Vila Santa Cruz, região do bairro Promorar, zona Sul de Teresina. De acordo com o coordenador do Greco, o delegado Tales Gomes, durante a operação em maio deste ano, a polícia apreendeu na casa do casal uma arma de fogo, uma prensa para manipular drogas e cocaína. 

A prisão temporária do casal foi expedida pela Central de Inquéritos de Teresina em 05 de maio de 2022, a pedido da Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (Depre), para apurar os crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico. A defesa do casal chegou a solicitar a substituição da prisão temporária por prisão domiciliar, mas o pedido foi indeferido pela Justiça. 

O inquérito policial foi concluído em 14 de junho e o casal passou a ser indiciado pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico, previstos nos arts. 33 e 35, da Lei nº 11.343/06. Foi feita a representação pela conversão da prisão temporária em prisão preventiva em desfavor dos indiciados. Intimado, o Ministério Público deu parecer favorável à decretação das prisões preventivas. 

Com o cumprimento dos mandados de prisão preventiva, o casal será encaminhado ao sistema prisional e responderá ao processo preso. 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário