Jovem é preso suspeito de comercializar supermaconha na zona Sudeste de Teresina

De acordo com a polícia, a residência do jovem era utilizada como boca de fumo

20/01/2022 15:28h - Atualizado em 20/01/2022 16:07h

Compartilhar no

Um jovem de 19 anos foi preso na tarde desta quinta-feira (20) no bairro Alto da Ressurreição, na zona Sudeste de Teresina, suspeito de comercializar Skank, mais conhecido como supermaconha. A prisão aconteceu na residência do suspeito que era utilizada, segundo a Polícia Civil, como ponto de comercialização do entorpecente. 


Leia tambémOperação prende membros de facção criminosa no Sul do Piauí 


O delegado Thiago Silva explicou que as investigações apontaram preliminarmente que na residência poderia estar sendo usada como “boca de fumo". Após diligências, os investigadores se convenceram da prática criminosa e o delegado requereu mandado de busca.

Foto: Jailson Soares / O Dia

“A prisão aconteceu na residência dele no bairro Alto da Ressurreição. Foi feita uma investigação preliminar, conseguimos um mandado de busca e apreensão e após vigilância no local foi feita a abordagem e o cumprimento do mandado”, resumiu o delegado Thiago Silva.

Foto: Divulgação / PC

Na residência, os policiais encontraram grande quantidade de papelotes de Skank, balança de precisão, cerca de R$ 2 mil em dinheiro trocado e material para embalagem do produto. O jovem que já possui passagem pela polícia foi encaminhado para a Central de Flagrantes. 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário