PF cumpre mandado de prisão no Piauí contra falsificação de documentos

Segundo as investigações, os documentos seriam utilizados para diversos tipos de fraudes

16/11/2021 13:02h - Atualizado em 16/11/2021 13:11h

Compartilhar no

Uma pessoa foi presa em flagrante Teresina nesta terça-feira (16) pela Polícia Federal. A prisão aconteceu no bojo da Operação Speculum, deflagrada pela PF de Maringá-PR, que investiga crimes de falsificação de moeda e documentos federais.

A Polícia Federal cumpriu ainda outros cinco mandados de prisão nas cidades de Curitiba/PR, Belo Horizonte/MG, Fortaleza/CE, Boa Esperança/ES, São Caetano do Sul/SP e São José dos Campos/SP e um mandado de busca e apreensão.

Foto: Arquivo / O Dia

A operação da Unidade de Repressão à Falsificação de Moedas e Crimes Federais, que reúne a Polícia Federal e a Diretoria de Segurança Corporativa da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, situada da Delegacia de Polícia Federal em Maringá/PR, apreendeu durante a ação modelos falsificados de Carteiras Nacionais de Habilitação e Carteiras de Identidades. 


Leia tambémPolícia Federal no Piauí deflagra operação contra pornografia infantil 


Segundo as investigações, os documentos seriam utilizados para diversos tipos de fraudes. Os presos foram indiciados pelos crimes de falsificação de documento público, que tem pena de reclusão de até 6 anos e multa. 

“O combate à falsificação de moeda e documentos federais traz dupla proteção à sociedade, uma vez que protege a credibilidade de nossos documentos públicos junto aos cidadãos, bem como evita fraudes que são cometidas a partir desses documentos”, disse a PF em comunicado oficial. 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário