Com aumento de casos de Covid-19, Teresina poderá ter novas medidas restritivas

A prefeitura manteve o fim de apoio para eventos carnavalescos e poderá determinar outras medidas para conter o avanço da pandemia

26/01/2022 17:58h - Atualizado em 26/01/2022 18:10h

Compartilhar no

O aumento dos casos de Covid-19 em Teresina e a crescente na demanda por eleitos de síndromes respiratórias na capital levaram à Fundação Municipal de Saúde (FMS) se reunir com membros do Centro de Operações de Emergências em Saúde Pública (COE) do município para uma avaliação do cenário local. 


Leia também: Covid: Leitos de UTI chegam a 80% de ocupação no Piauí 


O encontro definiu que segue cancelado o apoio da Prefeitura de Teresina para eventos carnavalescos. “Realmente os números são críticos e ficou definido hoje, na reunião que não vai haver carnaval de rua patrocinado pela prefeitura. Em dezembro, o prefeito já havia se manifestado nesse sentido e hoje isso é definitivo”, afirmou o secretário de Governo, André Lopes.

Foto: O Dia

Segundo a FMS, novas medidas poderão ser tomadas e eventuais decretos poderão ser publicados para limitar algumas ações. Os membros do COE, porém explicam que as novas restrições vão depender do avanço da doença nas próximas semanas. “A gente não quer criar alarde na população, vamos estudar de maneira profunda os dados antes de tomar qualquer decisão para não sermos precipitados”, disse 

O coordenador médico do COE, Walfrido Samito, comentou que é necessário o monitoramento da situação da capital para que sejam definidas a atuação do órgão de saúde. “Fizemos uma análise da situação atual da Covid-19 e viemos discutir esses dados na reunião. Vamos acompanhar de perto o número de casos e com base nas avaliações diárias é que serão definidas quaisquer questões que por ventura venham a surgir”, disse.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário