Comércio em Teresina deve gerar duas mil contratações temporárias para o fim de ano

Segundo estimativas, 30% desses trabalhadores tendem a ser efetivados pelas lojas

22/11/2022 11:11h

Compartilhar no

O final de ano está bem movimentado em 2022. A junção das festas de Natal e Ano Novo, somado com o período da Black Friday e a Copa do Mundo, tem aquecido o comércio de Teresina. Um período favorável para as contratações temporárias e até efetivações. Segundo o Sindicato dos Lojistas do Piauí (Sindilojas/PI), a expectativa é de que sejam gerados dois mil postos de trabalho.

Tertulino Passos, presidente do Sindilojas, pontua que durante a pandemia, entre 2020 e 2021, houveram muitas demissões, criando uma necessidade por novos profissionais. A expectativa é de que o número de contratações temporárias seja igual a 2019.

(Foto: Arquivo ODIA)

"A parte de contratações temporárias ficou bem mais robusta e a expectativa é de que sejam contratadas duas mil pessoas somente em Teresina. Temos lojas e estabelecimentos que contrataram de 15 a 20 pessoas, o que é bastante significativo para este ano. Esse é um momento muito bom, e se conseguimos manter como está hoje a parte da atividade comercial, que pode crescer, a maioria dessas pessoas pode permanecer lá como empregados e serem efetivados”, disse.

Sobre as efetivações, Tertulino Passos pontua que, em média, 30% dos trabalhadores contratados temporariamente acabam ficando na empresa. Mas, para isso, é preciso se destacar entre os demais e demonstrar interesse pelo serviço exercido. “O que a pessoa vai precisar é ter garra, ser um empreendedor dentro daquele empreendimento, ser uma pessoa ativa e participativa”, destacou.

Com as festas de final de ano, a estimativa é de que o comércio tenha um aumento entre 10% e 12%, dados semelhantes a 2019. “ Estamos completamente abertos este ano, todo mundo com mais confiança. As pessoas já sabem como se cuidar, então as expectativas são as melhores”, comenta. 

Black Friday impulsiona vendas

Uma das datas mais aguardadas pelos consumidores é o Black Friday, que acontece na última sexta-feira do mês de novembro. Este ano, as mega promoções acontecem no dia 25. O comércio de Teresina tem se preparado para a Black Friday e muitas lojas já oferecem grandes descontos para os consumidores.

Tertulino Passos, presidente do Sindilojas, conta que os itens mais procurados são os eletroeletrônicos, especialmente as televisões. “A Black Friday veio para ficar, então as expectativas são bem positivas. São produtos que têm um valor agregado maiores, como as televisões, que são os mais vendidos nesse período, e ela coincidiu com as festas de final de ano. Muitas lojas anteciparam a Black e desde a semana passada estão com grandes promoções e acreditamos que até sábado teremos uma grande movimentação comercial”, disse.

(Foto: Arquivo ODIA)

Devido a Black Friday, o comércio funcionará em horário especial para atender aos consumidores. Na sexta-feira (25), as lojas do centro ficarão abertas até às 18h, assim como no sábado (26).

O presidente do Sindilojas ressalta que o Black Friday é uma oportunidade não apenas para os consumidores, mas para as empresas. Por isso, ele reforça que a população deve buscar as lojas e priorizar o mercado local.

“A partir do momento que a pessoa compra no mercado local, ela está gerando renda na capital, está gerando riqueza para o Estado e impostos que serão investidos na saúde e na infraestrutura em si”, conclui. 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário