Covid-19: Teresina passa a fazer testes apenas por agendamento

Escassez de insumos e falta de testes no mercado público ou privado ocasionaram mudança na forma de testagem da Capital. O presidente da FMS, Gilberto Albuquerque, disse que um site está sendo aperfeiçoado e fará automaticamente a triagem de pacientes

28/01/2022 11:48h - Atualizado em 28/01/2022 12:01h

Compartilhar no

Todos os testes para Covid-19 realizados em Centros de Testagem da Prefeitura de Teresina passam a precisar de agendamento a partir da próxima segunda-feira (31). A marcação dos exames, que são gratuitos, poderá ser realizada através de um link no site da Vacina Já, da Fundação Municipal de Saúde (FMS), que ainda está sendo aperfeiçoado. 

Gilberto Albuquerque. Foto: Arquivo/ODIA 

De acordo com o presidente da FMS, Gilberto Albuquerque, essa é uma recomendação do Ministério da Saúde devido à escassez de testes de Covid-19 em hospitais públicos e privados. O link desenvolvido pelo órgão pretende fazer uma triagem para identificar os pacientes para a realização do teste.

Muitas pessoas foram surpreendidas pela mudança, o que gerou filas em locais de testagem nesta sexta-feira (28). Pacientes assintomáticos não devem ser testados, segundo nota técnica estabelecida pelo Ministério da Saúde.


“O Ministério da Saúde emitiu uma nota técnica onde recomenda que nós não podemos mais realizar testes em pacientes assintomáticos para controle de positividade contra a Covid-19 e que só deve ser feito em casos graves a moderados. Tudo isso pela escassez de teste no mercado seja público ou privado. Já não tem matéria prima para a realização destes testes. Com isso, o Ministério da Saúde mudou a orientação e seguiremos”, afirmou em entrevista à televisão local.


Para ter acesso ao teste, o paciente terá que preencher um formulário na internet onde passará por uma triagem realizada pelo próprio sistema. Se estiver dentro dos critérios, o paciente vai receber o horário e local para fazer o exame. Gilberto explicou que o teste será marcado até um dia após a análise do sistema. A previsão é de que o site seja finalkizado a partir da tarde desta sexta-feira (28).

“Estamos aperfeiçoando um link onde o paciente vai preencher uma ficha para receber o dia e o horário para a realização do teste. Na hora que entrar, a pessoa vai preencher as opções e o sistema vai dizer se ela preenche ou não os critérios para realização do teste. A pessoa vai cadastrar hoje para realizar amanhã até para evitar aglomerações e tumultos por causa dos testes existentes”, informou.

Na última quarta-feira (26), Teresina atingiu 100% da taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI)  destinados para pacientes com Covid-19. Para atender a demanda, o número de leitos Covid-19 na capital aumentou para 101, sendo 35 de UTI e 66 clínicos.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário