Em audiência, Ministério Público avalia situação de pacientes de longa permanência no HUT

Audiência debateu também situação das unidades de saúde de Elesbão Veloso e Bom Jesus.

15/09/2022 10:55h

Compartilhar no

O Ministério Público do Piauí, por meio da 29ª Promotoria de Justiça de Teresina, promoveu nesta quarta-feira (14), uma audiência itinerante para analisar a situação da ocupação de leitos utilizados por pacientes de longa permanência no Hospital de Urgência de Teresina (HUT). Uma visita foi realizada à enfermaria do hospital, a fim de verificar a assistência prestada às crianças internadas.

As atividades foram coordenadas pelo promotor de Justiça Eny Marcos Vieira Pontes, que destacou os encaminhamentos feitos na última audiência. Os representantes do Hospital de Urgência de Teresina e do Hospital Infantil Lucídio Portela apresentaram as atualizações do quadro clínico de cada paciente.

(Foto: Divulgação / MPPI)

Das crianças apresentadas, todas são residentes no interior do Piauí e do Maranhão e permanecem internadas nos hospitais. Uma nova audiência será realizada no final de outubro para eventuais encaminhamentos. Ficou deliberado ainda que a Secretaria de Estado de Saúde do Piauí (SESAPI) comprove em 15 dias a aquisição de aparelho respiratório e adequação estrutural necessária ao recebimento de pacientes nos hospitais de Elesbão Veloso e Bom Jesus.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Fonte: Com informações do MPPI

Deixe seu comentário