Em Teresina, coronavírus já infectou 42% da população da zona Sul

O prefeito Firmino Filho (PSDB) apelou para que as lideranças comunitárias da região se empenhem no enfrentamento da pandemia

18/06/2020 17:55h - Atualizado em 18/06/2020 18:07h

Compartilhar no

A zona Sul de Teresina é a região da capital com o maior número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus. A nona fase da pesquisa sorológica realizada pela Prefeitura de Teresina indicou que 42% da população da região testou positivo para Covid-19. Os bairros da zona Sul abrigam 34% de toda a população da cidade.

O prefeito Firmino Filho (PSDB) apelou para que as lideranças comunitárias da região se empenhem no enfrentamento da pandemia com ações de conscientização das pessoas para a importância do isolamento social como medida de combate a doença. O gestor reforçou o pedido de empenho das famílias em respeitar as orientações de ficar em casa.


Leia também

Clínicas e hospitais em Teresina: veja novo horário de funcionamento 


A Superintendência de Desenvolvimento Urbano (SDU) da zona Sul destaca que foram adotadas medidas para garantir o distanciamento social nas atividades essenciais que estão em funcionamento nos bairros como organização de filas em serviços bancários e a instalação de pias em feiras livres.

“O objetivo é manter um distanciamento entre uma barraca e outra, entre o feirante e seu cliente, e reservar um espaço mínimo para a circulação das pessoas com segurança. Essa é uma feira um pouco diferente das demais pela sua localização, mas o trabalho está dando certo, porque estamos recebendo a compreensão e apoio dos feirantes”, afirmo o superintendente da SDU, Paulo Roberto. Ele lembra que os atendimentos na SDU Sul estão sendo realizados as segundas e quintas com agendamento através do 86 99490-2983.

Bairros mais afetados

Segundo o Painel Covid-19 de Teresina , os bairros Itararé (241 casos), Mocambinho (156), Promorar (108), Jóquei (95) e Angelim (93) são os bairros da capital com o maior número de casos confirmados da Covid-10. O bairro Itararé registra 15 óbitos e também liderada a lista dos bairros com a maior taxa de letalidade. Em seguida aparecem Promorar (10), Parque Piauí (8), João Joaquim (8) e Buenos Aires (8). 

Alta letalidade

Segundo a Fundação Municipal de Saúde (FMS), a Covid-19 já matou, em três meses, 59 vezes mais que a gripe  durante todo o ano de 2019. A doença causada pelo novo coronavírus já vitimou 238 pessoas em Teresina. No ano passado, a gripe, causada pelo vírus influenza, deixou quatro mortos na capital. 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Por: Otávio Neto

Deixe seu comentário