Estagiária do Sistema O Dia vence Prêmio de Jornalismo do Sebrae

Emelly Alves produziu matéria sobre empreendedorismo na arte e os desafios que o setor enfrentou na pandemia.

26/11/2021 12:12h - Atualizado em 27/11/2021 15:45h

Compartilhar no

A estagiária de reportagem do Sistema O Dia de Comunicação, Emelly Alves, foi uma das grandes vencedoras da 8ª edição do Prêmio Sebrae de Jornalismo do Piauí. A repórter conseguiu o primeiro lugar na categoria Texto com a matéria “Empreendedores piauienses apostam na economia criativa e artística durante a pandemia”. A reportagem foi publicada no Portalodia.com em agosto deste ano.

Este é o primeiro prêmio de Emelly na carreira recém-iniciada no Jornalismo. “É muito importante ter o trabalho reconhecido dessa maneira. Eu não esperava ser classificada e muito menos ser a vencedora nessa categoria Texto, mas fiquei muito feliz. Principalmente por ter sido o primeiro concurso de reportagem que eu participo, até mesmo por eu ser estagiária e ainda estar em processo de aprendizagem”, disse.


Foto: Aureliano Muller/Sebrae

Na matéria que lhe rendeu o Prêmio Sebrae de Jornalismo, Emelly falou sobre os artistas empreendedores e as dificuldades que eles passam, sobretudo durante a pandemia. Por ser artista também, a estagiária de jornalismo do Sistema O Dia disse conhecer de perto esta realidade. 

“Sei das dificuldades que a gente passa, principalmente durante este período. Ser empreendedora no ramo artístico é muito difícil porque muitas vezes as pessoas não enxergam a arte como negócio. Decidi falar sobre empreendedorismo na classe artística e o desenvolvimento dessas empresas, o que está sendo feito por esses artistas para eles continuarem com seus negócios vivendo da arte. Foi o tema que decidi abordar por ter mais familiaridade com ele”, explicou Emelly.


Foto: Aureliano Muller/Sebrae

O empreendedorismo, ela completa, é um tema que precisa ser abordado, sobretudo no período que se vive em que as pessoas, por conta da necessidade de renda e pelo desemprego, precisaram de uma forma de sobrevivência. Emelly acredita que discutir o assunto é importante para que se movimente a economia local.

“O empreendedorismo gera um lucro enorme para o Brasil e para o Piauí. Ele movimenta a economia local, então você ser empreendedor ajuda muito mais do que você imagina. Você movimenta a economia do teu bairro, da tua cidade, do teu estado. É importante que a gente reconheça o trabalho desses empreendedores, que a gente fale, divulgue, porque assim os negócios conseguem atingir outro patamar”, finaliza Emelly.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário