Em jogo contra o Flamengo, Altos pode arrecadar quase R$ 4 milhões

Valor arrecadado com a venda dos bilhetes deverá ser dividido entre o time, a Federação de Futebol do Piauí, a CBF e com os custos operacionais.

26/04/2022 11:25h - Atualizado em 26/04/2022 11:48h

Compartilhar no

A partida entre Altos e Flamengo pela terceira fase da Copa do Brasil, que acontece no próximo domingo (1º), deve dar uma folga para os cofres do time piauiense. Isso porque, somente com esta partida, o Altos poderá arrecadar quase R$ 4 milhões com a venda de ingressos. Para se ter uma ideia, na 1º fase da Copa do Brasil, no jogo contra o Sport, o ticket médio custava R$ 50, enquanto para o confronto com o Flamengo, pelo mesmo campeonato, o ticket médio custa R$ 200, um aumento de 300%. 

Para a partida que acontece neste domingo, o valor mínimo da entrada inteira é de R$ 150 e o máximo chega a R$ 300. Os bilhetes podem ser comprados somente no cartão de débito, Pix ou em espécie, não sendo aceito pagamento em cartão de crédito. Vale lembrar que o valor arrecadado com os bilhetes deverá ser dividido entre o clube, a Federação de Futebol do Piauí (FFP), a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), além de cobrir os custos operacionais da partida.


Leia mais:

Venda de ingressos para o jogo Flamengo X Altos começa hoje; veja os locais e valores 

Flamengo x Altos: cambistas já estão anunciando ingressos pelo dobro do valor 


Foto: Assis Fernandes/O Dia

Do total de 25 mil lugares liberados no Estádio Albertão, a Lei da Meia-Entrada garante que 40% sejam destinados para estudantes, pessoas com deficiência e jovens de baixa renda com idade entre 15 e 29 anos. Para este público, os bilhetes podem ser adquiridos com 50% de desconto.

Foto: Assis Fernandes/O Dia

Confira como fica a arrecadação:

- Na arquibancada geral foram disponibilizados 8.500 lugares, destes 3.400 podem ser adquiridos pelo valor da meia-entrada, contabilizando um total de R$ 1,02 milhão. Com a integral vendida a R$ 150,00 e meia a R$ 75,00.

- Na arquibancada esquerda são 6.500 lugares, com 2.600 para meia-entrada, totalizando R$ 780 mil. Com a integral também sendo vendida a R$ 150,00 e meia a R$ 75,00.

- Já na arquibancada coberta são 3.000 lugares, destes 1.200 estão disponíveis para estudantes, totalizando R$ 480 mil. Com a integral sendo vendida a R$ 200,00 e meia a R$ 100,00.

- Enquanto na arquibancada especial são 7.000 lugares, com 2.800 para estudantes, um total de R$ 1,68 milhão. Com a integral sendo vendida a R$ 300,00 e meia a R$ 150,00.

Ao todo, o valor arrecadado na venda de ingressos pode chegar a R$ 3,96 milhões. O cálculo considera a venda dos 40% da capacidade destinados para a meia-entrada.

Foto: Assis Fernandes/O Dia

A reportagem do O Dia entrou em contato com a Federação de Futebol do Piauí (FFP), que informou que a venda de ingressos é de responsabilidade do Altos, por ser o time mandante da partida. A diretoria do clube também foi procurada para comentar sobre a venda de ingressos, mas não atendeu as ligações.

Mudança em ponto de venda

O time do Altos divulgou, por meio das suas redes sociais, a mudança no local de venda de ingressos no município de Altos. Segundo a nota, o ponto de venda localizado na casa do deputado Warton Lacerda, diretor do clube, foi transferido para o Comércio Castelo.

Em Teresina, os ingressos podem ser adquiridos no Estádio Albertão, no Centro Musical do Riverside Shopping e no Centro Musical do bairro Dirceu Arcoverde.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário