Professores da UFPI fazem manifestação e avaliam deflagração de greve geral

O indicativo de greve aprovado na semana passada para este dia 23 ainda está em processo de discussão nos sindicatos.

23/03/2022 09:28h - Atualizado em 23/03/2022 09:56h

Compartilhar no

greve dos docentes das Instituições de Ensino Superior do Piauí (UFPI, IFPI) segue em processo de definição e ainda não iniciará a partir desta quarta-feira (23). O dia de hoje é marcado por lutas e mobilizações da categoria, que se junta a outras classes trabalhadores reivindicando melhorias nas condições de trabalho, valorização profissional e reajustes salariais.

Na manhã da última segunda-feira (21), a ADUFPI (Associação dos Docentes da UFPI) se reuniu com as Seções Sindicais do Setor das Federais vinculadas ao ANDES (Associação Nacional dos Docentes de Ensino Superior) para deliberar a respeito do indicativo de greve geral dos servidores públicos federais, que estava indicado para hoje (23).


Foto: Assis Fernandes/O Dia

No entanto, após a apresentação dos resultados das assembleias, chegou-se à conclusão que o movimento ainda se encontra em fase de amadurecimento, com a necessidade de manutenção do processo de mobilização dos servidores públicos. “Para tanto, deliberamos pelo esforço da realização de mais rodadas de assembleias de modo a conscientizar servidores e a sociedade da importância de uma greve geral dos servidores públicos federais”, diz o documento encaminhado pela ADUFPI.

A mobilização que acontece hoje (23) é organizada pelo Fórum Estadual dos Direitos e Liberdades Democráticas e reúne os docentes das instituições federais de ensino do Piauí, professores da rede estadual e da rede municipal que estão em grevemotoristas e cobradores de ônibus, representantes dos movimentos que lutam pelo direito à moradia e a população em geral. 

ato tem concentração na Praça do Fripisa, Centro de Teresina.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário