Caso Vanessa Carvalho: Pablo Henrique Campos será julgado amanhã por feminicídio

Julgamento será pelo tribunal popular do júri e acontece quase 3 anos após o crime. Pablo segue preso na Cadeia Pública de Altos aguardando o processo.

29/08/2022 07:06h - Atualizado em 29/08/2022 07:11h

Compartilhar no

O empresário Pablo Henrique Campos Santos sentará amanhã (30)no banco dos réus para ser julgado pelo assassinato da jovem Vanessa Carvalho e pela tentativa de assassinato de sua então namorada, Anucha Kelly Leite Alencar. Os crimes aconteceram quase três anos atrás, no dia 29 de setembro de 2019, na saída de uma festa na zona Leste de Teresina. 


Leia também: STJ julgará novo pedido de liberdade do acusado de matar Vanessa Carvalho  


Na ocasião, Pablo Henrique teria discutido com Anucha, que anunciou que iria embora da festa com Vanessa. Na saída do evento, Pablo usou o próprio carro para atropelar Anucha e Vanessa, atingindo fatalmente esta segunda e ferindo gravemente a primeira. O empresário foi preso em flagrante horas depois do crime enquanto dormia em sua residência.


Foto: Reprodução/Redes Sociais

Pablo Henrique será julgado pelo Tribunal Popular do Júri no Fórum Criminal de Teresina e responderá pelos crimes de tentativa de homicídio com qualificadora de feminicídio praticado contra Anucha, homicídio com qualificadora de feminicídio praticado contra Vanessa, com os agravantes de motivação torpe e sem dar chance de defesa à vítima.

Durante o julgamento serão ouvidas testemunhas de defesa e de acusação, a vítima, Anucha, e o próprio réu, Pablo Henrique. A sessão será presidida pela juíza Maria Zilnar Coutinho. O Conselho de Sentença será composto por representantes da sociedade civil, que julgarão no fim se as denúncias apresentadas contra o réu são procedentes ou não.

Pablo Henrique se encontra preso na Cadeia Pública de Altos enquanto aguarda a conclusão do processo.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário