Correia Lima deixa presídio em saída temporária do Dia dos Pais 

Correia Lima está preso na Colônia Agrícola Major César, em Teresina, onde cumpre em regime semiaberto a pena de 139 anos de prisão

11/08/2022 13:55h - Atualizado em 11/08/2022 14:14h

Compartilhar no

O ex-coronel José Viriato Correia Lima deixará o sistema prisional do Piauí nesta sexta-feira (12/08). Ele recebeu o direito da “saidinha” temporária do Dia dos Pais determinado pelo Poder Judiciário neste ano. Em todo o Piauí, foram beneficiados 367 detentos que cumprem pena no regime prisional. 

Correia Lima está preso na Colônia Agrícola Major César, em Teresina, onde cumpre em regime semiaberto a pena de 139 anos de prisão por diversos crimes cometidos no Piauí. Ele deixará a unidade prisional nesta sexta-feira e deverá se reapresentar novamente na próxima quinta-feira (18/09).

Foto: Arquivo / O Dia 

O diretor de Inteligência da Secretaria de Justiça do Piauí, Charles Pessoa, explicou ao O Dia que o ex-coronel  já foi beneficiado em outras datas com a saída temporária e retornou ao sistema prisional na data marcada e sem apresentar problemas de comportamento durante o período de liberdade. 

“O Correia Lima atualmente está cumprindo pena no regime semiaberto. Ele apresenta um bom comportamento na unidade penal. Assim como os outros presos que cumprem pena no regime semiaberto, também está tendo o benefício da saída temporária”, disse Charles Pessoa. 

“Ele é tratado como qualquer outro preso, sem qualquer regalia. A unidade e o regime semiaberto é diferente das outras unidades. Os detentos passam o dia desenvolvendo algum tipo de atividade e no período nos alojamento, que é uma espécie de cela coletiva

Correia Lima

O ex-coronel da Polícia Militar do Piauí José Viriato Correia Lima está preso desde 1999 após ser apontado como o chefe do crime organizado no Piauí na década de 90. Ele é condenado por assassinatos, por comandar esquema de desvio de dinheiro público. 

Correia Lima está no regime semiaberto desde 2020 quando a juíza da Vara de Execução Penal da Comarca de Parnaíba, Maria do Perpétuo Socorro Ivani de Vasconcelos, analisou que Correia Lima é condenado a 129 anos  e 08 meses e prisão em regime fechado, mas já cumpriu 1/6 da pena, o que corresponde a 21 anos, 07 meses e 10 dias. 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário