Polícia Federal propõe força-tarefa para combater facções em Teresina

A proposta foi apresenta pelo delegado José Franco nessa quarta-feira (19/05) durante reunião com a governadora Regina Sousa

19/05/2022 13:57h

Compartilhar no

novo superintendente da Polícia Federal no Piauí, o delegado José Antônio Simões de Oliveira Franco, propôs a criação de uma força-tarefa que reúna as forças policiais para combater a atuação das facções criminosas em Teresina. A ideia é expandir o trabalho em conjunto que está sendo realizado no litoral do estado. 

A proposta foi apresenta pelo delegado José Franco nessa quarta-feira (19/05) durante reunião com a governadora Regina Sousa e que contou com a participação do secretário da Segurança Pública, Cel. Rubens Pereira; do Comandante-Geral da PM-PI, Scheiwan Lopes.

Delegado José Franco (Foto: Divulgação)

“Temos alguns projetos em plena execução como a força-tarefa em Parnaíba e temos tratativas de ampliar a atuação dessa força para outras regiões do Piauí”, disse o superintendente, declarando que, com aval da governadora, trazer força -tarefa para Teresina e para o sul do Estado”, disse o superintendente.

Foto: Ccom

A governadora comentou que apenas o trabalho ostensivo da Polícia Militar não é o suficiente. Para Regina Sousa, somente com o apoio da Polícia Federal é possível mapear a atuação das facções e traçar operações que atingem os líderes dessas organizações. 

“Gostei muito porque o combate ao crime só a Polícia Militar não dá conta, até porque tem setores do crime organizado que são competência da Polícia Federal. Este trabalho conjunto tenho certeza de que será muito proveitoso no combate à criminalidade” avaliou Sousa. A força-tarefa montada no litoral do Piauí reúne as Polícias Civil, Militar, Penal e Federal.

José Franco assumiu a superintendência da Polícia Federal do Piauí no início do mês em substituição a delegada Mariana Paranhos. Na posse, ele defendeu a união das polícias e das intuições da Justiça para o combate ao crime organizado no Piauí. 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário