Retorno de aulas presenciais é suspenso em Teresina em novo decreto

As aulas presenciais na capital deveriam retornar na próxima segunda-feira (7),

03/02/2022 16:50h - Atualizado em 03/02/2022 19:02h

Compartilhar no

O retorno das aulas presenciais da rede municipal de Teresina está suspenso. Essa é uma das várias medidas restritivas determinadas pelo prefeito de Teresina, Dr. Pessoa (MDB) em decreto assinado na tarde desta quinta-feira (03) para conter o avanço de casos de Covid-19 que o Piauí vem registrando nas últimas semanas.


Leia tambémFloriano antecipa férias escolares após aumento de casos de Covid-19; veja decreto 


As aulas presenciais na capital deveriam retornar na próxima segunda-feira (7), segundo calendário anunciado pela Secretária de Educação. “A suspensão do início das aulas e atividades escolares presenciais será reavaliada, periodicamente, levando-se em conta a situação epidemiológica de Teresina, podendo ser prorrogado por mais 15 dias”, diz o decreto, sem estabelecer uma nova data.

Foto: Assis Fernandes / O Dia

Atividades religiosas

O decreto estabelece que templos, igrejas, centros espíritas e terreiros deverão reduzir a capacidade de público a um limite de 40% da sua capacidade e com o cumprimento rígidos dos protocolos de distanciamento, medição prévia de temperatura, uso de máscara e disponibilização de álcool em gel.

Festas

O documento proíbe ainda que a administração patrocine ou apoie eventos que promovam aglomerações, em especial festas pré-carnavalescas e carnavalescas.

Veja o decreto

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário