Uso de máscara volta a ser obrigatório nos centros de saúde de Teresina a partir de hoje

Medida está prevista em decreto após aumento de 385% nos casos de covid na capital. Para quem não tomou as doses de reforço, a máscara é obrigatória também em locais abertos.

13/06/2022 07:43h - Atualizado em 13/06/2022 11:12h

Compartilhar no

A partir desta segunda-feira (13) será obrigatório o uso de máscara para se ter acesso aos centros e unidades de saúde em Teresina. A medida consta no decreto da Prefeitura publicado na edição de hoje do Diário Oficial. A decisão de retornar com a obrigatoriedade do uso da máscara foi tomada pelo COE (Comitê Municipal de Operações Especiais contra a Covid) na última sexta (10) após aumento de 385% nos casos de covid na capital.

Em Teresina, o uso da máscara deixou de ser obrigatório em locais fechados no dia 14 de março após queda nos registos de contaminação pelo coronavírus. No entanto nas últimas semanas, o número de novos casos vem subindo ao passo que as autoridades em saúde percebem uma certa demora da população em procurar os postos de saúde para receber as doses de reforço.


Foto: Assis Fernandes/O Dia

O COE recomenda a obrigatoriedade do uso da máscara em todos os centros de saúde da capital e pede que as pessoas procurem atualizar seu cartão de vacinas com a terceira e quarta dose dos imunizantes contra a covid-19. Aquelas pessoas que ainda não tomaram as doses de reforço devem usar máscaras em locais abertos e fechados também, sobretudo naqueles espaços em que há aglomerações.

Nos locais aonde há até 500 pessoas, o uso da máscara também voltou a ser obrigatório.

O infectologista Walfrido Salmito lembra que a vacina é a maior defesa contra a covid-19 e isso está atestado nos índices da doença em Teresina. Apesar da alta de mais de 300% nos casos confirmados nos últimos dias, o número de internações graves caiu e o de internações no geral reduziu na casa dos 55%.

Dr. Pessoa diz ter preocupação com o cenário e pede medidas efetivas

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, comentou nesta manhã (13) o decreto municipal que volta a obrigar o uso da máscara em centros de saúde da capital. Para o gestor, não é preciso ser nenhum especialista para perceber que a covid-19 tem voltado a índices preocupantes na cidade e que são necessárias medidas mais eficientes de combate à doença. Dr. Pessoa vem conversando com o presidente da Fundação Municipal de Saúde, o médico Gilberto Albuquerque, e com os membros do COE e disse que externou preocupação com o cenário atual.

"Há mais ou menos 10 dias eu venho falando com o presidente da FMS discutir com o COE Municipal o uso da máscara em alguns ambientes fechados. Aí é visível, e não precisa ser cientista para perceber, que está tendo aumento dos casos e sem dúvida nenhuma eu tenho preocupação. Em grandes aglomerações e ambientes fechados eu acho que as pessoas devam se preocupar para usar a máscara", afirmou Dr. Pessoa.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário