Caso Tainah: Polícia conclui inquérito e indicia acusada por homicídio qualificado

Geovana Thais, acusada de ter matado a vitima a facadas, foi indiciada por homicídio com duas qualificadoras.

05/10/2022 13:48h - Atualizado em 05/10/2022 16:15h

Compartilhar no

A Polícia Civil do Piauí concluiu o inquérito sobre o assassinato da jovem Tainah Brasil, filha do jornalista Marcelo Rocha, que foi morta a facadas no dia 16 de maio deste ano. A acusada do crime, Geovana Thais, foi indiciada por homicídio qualificado. 


Leia também: Vídeo: homem é morto a tiros em banheiro de casa de show em Bom Jesus 

De acordo com Matheus Zanatta, gerente de polícia especializada, a delegada Natália Figueiredo ficou responsável pela investigação. “Ela fez várias diligências, ouviu testemunhas e requisitou a perícia. Na semana passada, a delegada remeteu o inquérito concluído para a justiça. A investigada foi indiciada pelo crime de homicídio com duas qualificadoras. Esse inquérito encontra-se à disposição da justiça para dar andamento ao processo criminal”, explica o delegado.

A jovem Tainah Brasil foi morta a facadas em maio deste ano (Foto: Reprodução)

No dia do crime, além de Geovana Thaís, estava presente no local a ex-namorada da vítima, Fernanda Ayres. Apesar de também ter sido considerada suspeita no início da investigação, Fernanda não foi indiciada pela Polícia. 

O inquérito havia sido prorrogado no mês de setembro, após passar quatro meses sem conclusão alguma.  Há exatamente um mês, no dia 5 de setembro, o pai da vítima, Marcelo Rocha, esteve no Departamento de Homicídio e Proteção à Vítima (DHPP) pedindo celeridade na conclusão do inquérito. 

Relembre o caso

A jovem Tainah Luz Brasil Rocha, de 27 anos, filha do jornalista Marcelo Rocha, morreu no dia 16 de maio, após ser esfaqueada durante uma discussão ocorrida durante a madrugada, no bairro Mocambinho, zona Norte de Teresina. 

A jovem foi atingida com aproximadamente treze facadas na região do abdômen. Ela chegou a ser socorrida e encaminhada ao Hospital de Urgência de Teresina (HUT), onde recebeu atendimento médico, mas não resistiu aos ferimentos e veio à óbito na manhã de ontem.

A vítima estava morando no estado do Paraná e visitava Teresina na data. Ela foi na residência de sua ex-namorada, Fernanda Ayres. Na casa, estava a atual namorada de Fernanda. As três estariam consumindo bebida alcoólica no momento que teve início a discussão.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Edição: Adriana Magalhães

Deixe seu comentário